Quem sou eu

Minha foto
Eusébio, CE, Brazil
Espírita - Brasil

quinta-feira, 31 de março de 2011

AS LÁGRIMAS SERÃO PÉROLAS


Disse o insensato no seu coração:
Não há Deus.

Os homens se corrompem
E praticam a iniquidade.
Já não há quem faça o bem.

No entanto, o Senhor, 
Que o homem há criado
Espera, paciente, o seu aprendizado.

Até o dia em que a tristeza e a dor
O traga de volta, arrependido,
Aos braços do Criador.

Suas lágrimas serão pérolas:
Quando compreender esse amor.



Texto baseado nos SALMOS 14 E 53.




.-.-.-.-.-.-.-.

quarta-feira, 30 de março de 2011

QUEM MORREU CONTINUA VIVO


Os espíritos foram criados imortais, portanto, estarão sempre vivos, habitem ou não num corpo físico. 

Por isso dissemos que quem morreu continua vivo. Não há espírito morto. Morre o corpo, liberta-se o espírito que o habitava.

Na sua vida terrestre, como espírito encarnado, o espírito não goza de sua natural liberdade de movimentos e, também, não tem  lembranças de suas vidas anteriores. Porém, durante o sono do corpo, o espírito retoma a sua liberdade de movimentação.

Embora permaneça ligado ao corpo por um laço fluído, o Espírito se liberta do corpo físico e sai em visita outros lugares, aqui ou no além, sempre restrito às regiões onde lhe permita estar por sua elevação espiritual. Retorna ao corpo físico, logo  que necessário, atado que esteve pelo do laço fluídico ligado ao corpo que habita.

Nessas “viagens” o espírito ocupa-se de assuntos do seu interesse, atraído por suas afinidades, eis que vai ao encontra do que aprecia e aproxima-se das pessoas com quem se identifica, encarnados ou desencarnados, sejam eles bons ou maus espíritos.

Os espíritos que buscam a elevação espiritual aproveitam esse tempo livre para participar de trabalhos espirituais ou de estudos para novos aprendizados, tudo sob a supervisão dos mentores espirituais.

Consoante o próprio merecimento, pode o espírito, momentaneamente liberto do corpo, receber consolação e incentivo nas provas que enfrenta na vida terrena. Nessa hipótese, é recebido pelos espíritos familiares ou amigos que torcem para que cumpra bem a missão a que se propôs na presente encarnação.

Estaremos vivos sempre, seja como espírito encarnado sobre a Terra, seja como espírito liberto do corpo físico que, apenas o prende na Terra.

Em suma, a morte não existe. Nunca existiu.


.-.-.-.-.-.-.-.



segunda-feira, 21 de março de 2011

O REI DA GLÓRIA

Ao Senhor pertence a Terra
E tudo o que ela contém
Fundou-a com muitas águas
E entre as estrelas a mantém

Traçou o seu curso no Espaço
E de toda a vida a dotou
Como um jardim, suspenso,
Ao homem, para viver, entregou.

Quem será, Senhor, o homem digno?
A quem favorecerás?

O que é limpo de mãos, de coração e mente.
O que a alma não entrega à falsidade
Nem jura dolosamente.
Este obterá do Senhor a bênção
A justiça e a salvação.

Levantai, ó portas, as vossas cabeças;
Abri-vos, ó Portais Eternos,
Para que entre o Rei da Glória.

Quem é esse Rei da Glória?

O Senhor forte e poderoso,
O Deus Eterno e misericordioso,
A fonte suprema de todo o amor.


(Texto baseado no Salmo 24)



.-.-.-.-.-.-.-.

terça-feira, 15 de março de 2011

YOU, AN INVISIBLE MAN




The invisible man that we’re going to talk about isn`t that character from the book of the same title wrote by Orson Wells, published in 1987.

We have already heard stories with some invisible characters like fairies, witches, elves and, also, stories of an invisible superhero.

It can be stated that there was always the belief in invisible beings. Also, almost all of us learn to believe in invisible beings linked to religion: God, angels, saints and even in the existence of … "demons".

Today, let's talk about you, invisible man, as any of the beings or entities mentioned before.
Then, you will say: It`s impossible! I'm flesh and bone. I'm material, I physically exist. I’m made of matter, I occupy a place in space and everyone can see me.
For sure, you`re right. But you have a body that is invisible which is the agent and mother of your material body. It is like an energy body that acts as a mold of your physical body. Very few people can see it or perceive it. It is with this body of subtle matter that you will survive after death. Then, you`ll live, but invisible.

All things are consolidated amounts of energy, and somehow stabilized. Matter is energy. So, it`s not difficult to admit a body like some energy - invisible - binding agent of dense matter that forms and maintains the physical body. When this body disconnect of the physical body, this one shall enter into decomposition.

By referring to your body, you say: my foot, my head, my body.  So you are someone who possesses the body. But who is this person? 
This person are you - the spirit - invisible to human eyes, who retains the individuality and survives to death.

When someone loses part of his body due to accident or illness, this person says: I missed this or that part of my body, that is, states that had and had lost part of his body. Someone, unseen, lost something visible that was his. 

That someone is the being that we are calling "The invisible man".

You are independent of your physical body. That is, you're an invisible being that is expressed through a body of physical material.

The invisible being is the spirit. Invisible, because formed in a kind of matter that human perception do not reach.

This invisible body has an immutable identity, independent of time and space and also of whether or not associated with a physical body.

That old childhood dream of becoming invisible is not, after all, a so-distant reality. Especially, assuming that we live most of our eternity in ethereal form, ie, invisible to human eyes.

You are an invisible man, and also much longer than you ever would have imagined.

Everything that is said here concerns only with 
 the ability of seeing related to the human eyes. In the condition of disembodied spirits we will be completely visible to each other.

Cheers, invisible friend!

domingo, 13 de março de 2011

A DOUTRINA ESPÍRITA

Temos conversado sobre a Doutrina Espírita, fazendo-o numa abordagem bem simples, para que fique bem acessível àqueles que tomem um primeiro conhecimento dos ensinos espíritas.

Hoje, julguei oportuno reproduzir aqui a parte final do excelente artigo de Edson Rocha "As cinco Alternativas da Humanidade" postado no portal KARDEC ONLINE , dia  11/03/2911:


"§ V. Doutrina Espírita


O princípio inteligente é independente da matéria.

A alma individual preexiste e sobrevive ao corpo. O mesmo ponto de partida para todas as almas, sem exceção; todas são criadas simples e ignorantes, e são submetidas ao progresso indefinido.

Nenhuma criatura privilegiada é mais favorecida, umas do que as outras; os anjos são seres chegados à perfeição depois de terem passado, como as outras criaturas, por todos os graus da inferioridade.

As almas, ou Espíritos, progridem mais ou menos rapidamente em virtude de seu livre arbítrio, pelo seu trabalho e sua boa vontade.

– A vida espiritual é a vida normal; a vida corpórea é uma fase temporária da vida do Espírito, durante a qual ele reveste, momentaneamente, um envoltório material de que se despoja na morte.

O Espírito progride no estado corpóreo e no estado espiritual.

O estado corpóreo é necessário ao Espírito até que ele atinja um certo grau de perfeição: nele se desenvolve pelo trabalho a que está sujeito pelas suas próprias necessidades, e adquire conhecimentos práticos especiais.

Uma única existência corpórea sendo insuficiente para fazê-lo adquirir todas as perfeições, retoma um corpo tão freqüentemente quanto isso lhe seja necessário, e, a cada vez, nele chega com o progresso que alcançou em suas existências anteriores e na vida espiritual.

Quando adquiriu no mundo tudo aquilo que pode nele adquirir, deixa-o para ir para outros mundos mais avançados, intelectual e moralmente, cada vez menos materiais, e assim continuamente até a perfeição, da qual a criatura é suscetível.

O estado feliz ou infeliz dos Espíritos é inerente ao seu adiantamento moral; sua punição é a conseqüência de seu endurecimento no mal, de sorte que, perseverando no mal, se punem eles mesmos; mas a porta do arrependimento jamais lhes é fechada, e podem, quando querem, retornar ao caminho do bem e chegar, com o tempo, a todos os progressos.

As crianças que morrem em tenra idade podem ser mais ou menos avançadas, porque já viveram em existências anteriores, onde puderam fazer o bem ou cometer más ações.

A morte não as livra das provas que devem sofrer, e recomeçam, em tempo útil, uma nova existência sobre a Terra, em mundos superiores, segundo o seu grau de elevação.

A alma dos c******s e dos idiotas é da mesma natureza que a de qualquer encarnado; freqüentemente, a sua inteligência é superior, e sofrem a insuficiência dos meios, que têm para entrar em relação com os seus companheiros de existência, como os mudos sofrem por não poderem falar.

Abusaram de sua inteligência, em suas existências anteriores, e aceitaram, voluntariamente, estar reduzidos à impossibilidade para expiarem o mal que cometeram, etc., "




Leia o artigo completo:
http://kardeconline.ning.com/profiles/blog/show?id=4717287%3ABlogPost%3A186947&xgs=1&xg_source=msg_share_post



.-.-.-.-.-.-.-.

domingo, 6 de março de 2011

OS NOSSOS VOTOS

O Senhor te responda no dia da tua tribulação,
Socorro te envie e te eleve em segurança.

Conceda-te segundo o teu coração
E realize todos os teus desejos.

Porque o Senhor salva o seu ungido.

Uns confiam na força e na destreza,
Outros confiam na ciência e no poder,
Nós, porém, confiamos no Senhor.

O nosso Deus nos dá a vitória
E nos responde quando clamamos.


(Texto baseado no Salmo 20)




.-.-.-.-.-.-.-.

quinta-feira, 3 de março de 2011

O MAIS IMPORTANTE É O AMOR






1 Coríntios 13


Ainda que eu falasse as línguas dos homens e dos anjos, e não tivesse amor, 
seria como o metal que soa ou como o sino que tine.

E ainda que tivesse o dom de profecia, e conhecesse todos 
os mistérios e toda a ciência, 
e ainda que tivesse toda a fé, de maneira tal 
que transportasse os montes, e não tivesse amor, 
nada seria.

E ainda que distribuísse toda a minha fortuna para sustento dos pobres, 
e ainda que entregasse o meu corpo para ser queimado,
e não tivesse amor, 
nada disso me aproveitaria.

O amor é sofredor, é benigno; 
o amor não é invejoso; o amor não trata com leviandade,
não se ensoberbece.
Não se porta com indecência, não busca os seus interesses, 
não se irrita, não suspeita mal;
Não folga com a injustiça, mas folga com a verdade;
Tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta.

O amor nunca falha; mas havendo profecias, serão aniquiladas; 
havendo línguas, cessarão; havendo ciência, desaparecerá.

Porque, em parte, conhecemos, e em parte profetizamos;
Mas, quando vier o que é perfeito, 
então o que o é em parte será aniquilado.

Quando eu era menino, falava como menino, 
sentia como menino, discorria como menino, 
mas, logo que cheguei a ser homem, acabei com as coisas de menino.

Porque agora vemos por espelho em enigma, 
mas então veremos face a face; 
agora conheço em parte, 
mas então conhecerei como também sou conhecido.

Agora, pois, permanecem a fé, a esperança e o amor, 
estes três, 
mas o maior destes é o amor.

(Bíbliaonline.com.)



.-.-.-.-.-.-.-.