Quem sou eu

Minha foto
Eusébio, CE, Brazil
Espírita - Brasil

quarta-feira, 2 de maio de 2012

AS REGRAS PARA SER HUMANO


Mááh Keller - publicou na Rede social Fb, sob indicação de autor desconhecido:




As regras para ser Humano!

1 - Você receberá um corpo.

Você pode gostar dele ou odiá-lo, mas ele será seu enquanto durar seu tempo por aqui. 

2 - Você fará um aprendizado.

Você está inscrito por tempo integral numa escola informal chamada Vida. A cada dia nesta escola você terá a oportunidade de aprender lições. Você pode gostar das lições ou achá-las estúpidas ou irrelevantes.

3 - Não existem erros, apenas lições.

Crescer é um processo de tentativa e erro: experimentação. 
Os experimentos “fracassados” são parte do processo, tanto quanto o experimento que efetivamente “funciona”.

4 - Uma lição será repetida até que seja aprendida.

Uma lição lhe será apresentada de formas variadas, até que você a tenha aprendido. Quando tiver aprendido, você poderá passar à lição seguinte.

5 - O aprendizado nunca termina.

Não há parte da vida que não contenha suas lições. Enquanto você estiver vivo, haverá lições a serem aprendidas.

6 - “Lá” não é melhor do que “aqui”.

Quando o seu “lá” tiver se tornado um “aqui”, você simplesmente obterá outro “lá”, que novamente parecerá melhor do que “aqui”.

7 - Os outros são meramente seus espelhos.

Você não pode amar ou odiar algo em outra pessoa, a menos que isso reflita algo que ama ou odeia em si mesmo.

8 - O que você faz de sua vida é escolha sua.

Você possui todas as ferramentas e recursos de que precisa. O que fará com tudo dependa de você. A escolha é sua.

9 - Suas respostas estão dentro de você.

As respostas às questões da Vida estão dentro de você. Tudo o que você precisa fazer é ver, ouvir e confiar.

10 - Você se esquecerá de tudo isto.

11 - Você poderá se lembrar quando quiser.


 Autor Desconhecido."



NOTA - Recebi esse mesmo texto - via e-mail - e lá a autoria está indicada como: "Do livro If Life Is a Game These are the Rules - Cherrie Carter-Scott."





.-.-.-.-.-.-.-.


Um comentário: