Quem sou eu

Minha foto
Eusébio, CE, Brazil
Espírita - Brasil

terça-feira, 1 de maio de 2012

ESCOLHENDO AMIGOS



As verdades espirituais são deliciosas para aqueles que já se identificaram como seres espirituais que caminham sobre a Terra, sabendo-a uma Escola e uma Oficina destinada ao aprendizado e ao progresso da Alma.

Para outras pessoas, até choca pensar que estamos interagindo com espíritos de todo tipo, qualidade e grau de esclarecimento.

A propósito dessa interação com os espíritos há uma boa e uma má notícia. 

A boa notícia é: Espíritos bons, verdadeiros anjos de Deus, estão ao nosso lado para nos sugerir a vivência do amor e para nos proteger e confortar diante das situações desagradáveis, pelas quais necessitamos passar no curso do nosso aprendizado e evolução. Pela intuição, eles nos sugerem, a cada momento, como construir a nossa felicidade atual e futura.

A má notícia é: Espíritos não evoluídos - alguns afeitos ao mal - também estão entre nós e nos sugerem atos e pensamentos compatíveis com os seus padrões de vida. Portam energias deletérias que podem nos envolver, se a isto permitirmos.

Quando falamos de Espíritos, estamos falando dos mesmos seres humanos que já "morreram" no corpo físico, mas que continuam vivos, simplesmente, porque a morte não existe. O Espírito vive sempre, com ou sem um corpo físico, porque ele foi criado imortal.

Não há seres criados para o mal ou a ele condenados eternamente.

Estamos cercados de Espíritos que falam, constantemente, à nossa mente, desejosos de influir nas nossas decisões, para o bem ou para o mal.

Aceitar as sugestões e permitir que conduzam os nossos pensamentos e ações será uma decisão do livre arbítrio, sobre a qual, ninguém interfere.

É uma simples questão de saber escolher os "amigos espirituais" que queremos para a nossa vida.

O fato é que eles estão entre nós, mas não têm direito sobre nós.

Somos os únicos responsáveis pelos nossos atos.


.-.-.-.-.-.-.-.






Nenhum comentário:

Postar um comentário