Quem sou eu

Minha foto
Eusébio, CE, Brazil
Espírita - Brasil

terça-feira, 13 de março de 2012

Bate Papo na Rede Social






Boa noite, Nando.



Obrigado pelos seus comentários no nosso Blog: www.espiritagracasadeus.blogspot.com




São comentários de uma pessoa despreparada que, apesar da idade, ainda quer aprender.




Todos nós estamos no lugar certo e no momento certo. Estamos onde o nosso aprendizado deve ocorrer.


Deus não faz nada errado. Nossa caminhada é muito grande e o aprendizado vai pela eternidade. Com a graça de Deus chegaremos todos lá.


Muitas vezes a nossa missão numa vida física pode ser, apenas, trazer à vida os nossos filhos e aprender um pouco mais de amor, bondade e compaixão.


Quase ninguém tem uma missão muito especial. Nossa missão pode ser bem simples. O nosso aprendizado tem que começar e continuar de todas as formas.




Eu continuo a aprender com o meu novo mestre que, ainda, não conheço pessoalmente. Este mestre veio para me ensinar muitas coisas que estão além dos meu conhecimento. Este mestre que, só recentemente entrou em contato comigo,  ofereceu-me livros para estudo. Essa pessoa tem que ser especial. Este mestre é você, EULEIR ELLER. Obrigado por você existir.


Ah! amigo Nando, suas palavras são carinhosas e por demais elogiosas. 

Embora não as mereça, muito obrigado!

Eu tenho tanto para aprender! Estou muito longe de ser um mero professor.

Eu me tornei Espírita com mais de 50 anos. Nasci evangélico, fui católico em colégio interno e voltei a ser evangélico, quando rapaz. 

Graças a Deus, acho que nasci com esse desejo de compreender a razão das nossas vidas. Sempre quis saber porque estamos aqui e para onde iremos após a morte.

Nunca aceitei que Deus criasse pessoas para deixá-las, abandonadas, no inferno, principalmente se a condenação decorresse de erros pequenos ou banais (pecados), praticados, muitas vezes, sem a plena compreensão do mal ou da inconveniência daquelas ações. 

Como poderia uma pessoa que viveu só até a mocidade e nem compreendeu direito a vida, ser condenado por toda a eternidade?


Demorei para chegar ao Espiritismo e à compreensão das verdades espirituais e da bondade de Deus.


Mas, o momento chegou. Começara a entender.

E Agora? O que fazer com a enxurrada de medos e culpas que as religiões registram em nossas mentes?


Não é fácil libertar-se dos ensinamentos que vc ouviu desde que nasceu... 

No mínimo, vem uma insegurança danada. E, pior, vem a rejeição de idéias por aqueles familiares e amigos que se apegam apenas às crenças e nunca as questiona para a busca da verdade.


Demora-se para compreender que Deus não está, exatamente, em apenas uma religião criada pelos homens. E que, também, não habita templos materiais. É confortante saber que Deus está no coração de cada pessoa e, assim, está também em todas as religiões. 

Enfim! Toma-se consciência de que Religião nenhuma salva!


Caminha para Deus o homem justo e caridoso. Aquele que se dedica ao bem e à felicidade de seus irmãos. Este homem vale mais do que o "rezador do templo" que ainda não se libertou do egoísmo, do orgulho e da vaidade" e que, muitas vezes, se julga um santo de Deus, acima dos demais.


Uma coisa é certa, meu caro amigo e irmão Nando, esteja calmo quanto à necessidade do aprendizado:


A  vida é o nosso verdadeiro mestre !

"Quando o discípulo está pronto, o mestre aparece !"



Um terno abraço. 

Aprendamos juntos!


.-.-.-.-.-.-.-.

Nenhum comentário:

Postar um comentário