Quem sou eu

Minha foto
Eusébio, CE, Brazil
Espírita - Brasil

sábado, 25 de maio de 2013

Terra - Planeta de Provas e Expiação



"Olhe para si sem medo de encontrar um ser repleto de angústias e questionamentos. Não se precipite em prejulgar-se. Seja brando para consigo, reflexivo mediante o imutável, e creia sempre que acima das estrelas há inúmeras moradas de acordo com o grau evolutivo de cada ser. Não puna-se por ainda estar no Globo. Valorize a existência no Planeta regido por Jesus. Vale muito acreditar para que mantenha-se sereno diante de quaisquer contrariedade que não pode mudar. Fortaleça-se e siga com todos os questionamentos, mas ciente de que a Terra é primorosa na arte do educar. Caminhe firme! 


-----------

Muitas vezes, diante de acontecimentos tristes em nosso Planeta ou em nosso País, vem-nos uma vontade de viver num lugar melhor, junto a pessoas mais sensatas, mais educadas e mais amorosas, onde o direito de todos fosse respeitado e onde a fraternidade reinasse como o item de maior grandeza. 

É bom pensar num lugar assim, onde a busca da felicidade se focasse tanto no individual como no coletivo. Um lugar onde a felicidade de um fosse regozijo de todos e onde a dor de um fosse a preocupação de todos.

Que bom se acabasse, entre nós, todo o orgulho, todo o egoísmo, toda a vaidade e toda a ânsia de poder e dominação! Que bom se o maior servisse ao menor e se o forte protegesse o fraco.

Nosso Planeta ainda é um lugar de Provas e Expiação e, por isso, nele o mal ainda é expressivo no convivência social. Entretanto, essa é uma etapa prestes a se findar. A nossa querida Terra logo alcançará um status melhor, mediante a evolução dos seres que aqui vivem. 

Nessa nova etapa, renascerão aqui espíritos com maior adiantamento e daqui serão removidos os espíritos que não alcançaram compatível com o novo ambiente. Esses serão atraídos para renascerem em Planeta que guarde equivalência com o estágio de adiantamento que a Terra está prestes a deixar.

Os "bons" se juntarão aos "bons" e os "maus" se juntarão aos "maus" e todos continuarão a respectiva caminhada rumo ao progresso e à evolução. Esclareço que uso as palavras bons e maus apenas um grau de diferenciação para melhor entendimento. A ninguém cabe julgar ninguém. Além do mais, não existe ninguém mau... existem espíritos que ainda se agradam em fazer o mal.

Nesta separação por grau evolutivo, não há que falar em céu ou inferno ou em prêmios e castigos, é apenas a vida que continua, após uma depuração que ajuntará os homens (e espíritos) por grupos afins.  Cada um continuará do estágio que atingiu.  Pode até ocorrer que os "maus" que daqui emigram possam vir a ser, comparativamente, os "melhores" do novo planeta onde vão habitar, dado o grau evolutivo dessa nova comunidade.

Mas, voltando ao desejo de estar em lugar melhor, de maior justiça e de menos sofrimento, presumo que esse desejo já seja, em si, um indício do bem que reside em cada um dos que assim pensam, pois este já seria um desejo de se estar contado no grupo dos "bons", sempre que esse desejo não seja um sentimento puramente egoísta, para obter vantagem pessoal.

Deus não erra!  

Deus é justo!

Habitamos a comunidade que merecemos habitar.  Estamos aqui porque temos débitos a pagar. Aqui nos colocou a misericórdia de Deus, em condições de  enfrentarmos as provas que necessitamos superar para, dessa forma, obtermos o conhecimento e as virtudes que condicionam a nossa evolução.

Religião não é "Passaporte Espiritual".  

O bem e as virtudes serão o salvo-conduto para habitarmos comunidades mais felizes, aqui ou no Além.


.-.-.-.-.-.-.-.





Nenhum comentário:

Postar um comentário